Bandidos explodem agência da Caixa e entram em confronto com a PM

Autor: Luis Silva

Publicada em


Pelo menos oito assaltantes, entre eles, uma mulher explodiram a agência da Caixa Econômica Federal (CEF), na avenida Presidente Medici, que corresponde com a rodovia BR-316, no Centro de Timon (MA) e roubaram dinheiro de um dos caixas eletrônicos nessa quinta-feira (11).  De acordo com o coronel Shinaider, comandante do Batalhão da Polícia Militar, afirmou que os assaltantes estavam em um automóvel Siena, com quatro homens e em um casal fugiu em uma motocicleta. Outros dois homens deram apoio ao assalto.

Image title

Segundo o coronel, dois assaltantes entraram na agência para colocarem os explosivos e roubarem o dinheiro, um casal ficou do lado de fora jogando “miguelitos”, que é uma ferramenta feita de grandes pregos jogados no asfalto para facilitar a fuga dos assaltantes furando os pneus das viaturas das policiais impedindo assim a caçada dos bandidos.

O coronel Shinader falou que na hora do assalto às 04h da madrugada de quinta-feira (11), Timon estava tranquila, mas os policiais militares que estavam fazendo policiamento na rua perceberam o casal jogando os miguelitos e houve reação ao assalto com troca de tiros. Ninguém saiu ferido.

Ainda de acordo com o coronel, os bandidos iam roubar mais caixas eletrônicos já que a agência da Caixa Econômica já foi roubada uma vez anteriormente e possui 11 caixas eletrônicos na área de auto atendimento, mas só um foi violado.

“Os policias militares de Timon estavam fazendo o patrulhamento e impediram que o assalto fosse maior, já que os assaltantes abriram somente um dos caixas eletrônicos”, falou. Os assaltantes fugiram para o rumo de Teresina.

A agência da CEF foi praticamente destruída, pois os explosivos atingiram parcialmente o teto. Para entrar na agência, os assaltantes destruíram o vidro da porta principal e todo chão da agência está coberto de madeira, vidro e o cenário é de destruição. Todo o assalto foi registrado pelas câmeras de segurança.

Os assaltantes, de acordo com as primeiras apurações dos militares, são os mesmo que atuam em assaltos a banco no Maranhão e no Piauí e que pertencem a quadrilha do Novo Cangaço, que tem como característica a utilização de explosivos no assaltos. A Polícia Federal vai investigar o assalto.

Image title

Image title

Fonte: MN

Cidades           

Realidade em Foco

Realidade em Foco