Corpo queimado dentro de carro em José de Freitas é de corretor

Autor: Luis Silva

Publicada em


O corpo encontrado carbonizado dentro de um veículo Siena, de cor branca, na tarde da última quarta-feira (30 de janeiro), nas imediações do Riacho do Cipó, a 5 km da cidade de José de Freitas e a poucos metros da PI-113, no trecho entre as cidades de José de Freitas e Cabeceiras do Piauí é do corretor de veículos, identificado como Leonardo Batista Lima, conhecido como Léo, de 24 anos, que era natural de União-PI, mas que estava residindo em uma casa alugada no bairro Pedra Mole, na Zona Leste da capital do Piauí (Teresina).

A identificação do corpo foi feita pela família de Leonardo Lima, que esteve no Instituto Médico Legal de Teresina-PI, onde fez o reconhecimento. Um colar que estava no pescoço do corretor de veículos, que também era mecânico de motos facilitou a sua identificação por parte de sua família. Atualmente, Léo também trabalhava como corretor de carros no bairro Pedra Mole.

De acordo com investigações já realizadas pela Polícia Civil, o corretor Léo adquiriu recentemente o Siena branco de placa NHW-5998-Demerval Lobão-PI, o qual foi queimado com o seu corpo dentro, na tarde da última quarta-feira (30 de janeiro de 2019), próximo ao Riacho do Cipó, em José de Freitas-PI. O Siena antes de ser adquirido por Leonardo Lima pertencia a um vizinho dele no bairro Pedra Mole.

O corpo do corretor foi encontrado por populares, totalmente carbonizado, dentro do Siena, os quais avisaram as Polícias Civil e Militar de José de Freitas, que acionaram peritos do Instituto de Criminalística que estiveram no local e uma equipe do IML de Teresina-PI, que por volta das 19 horas de quarta-feira, fez a remoção do corpo para a sede do Instituto Médico Legal de Teresina, onde a família fez o reconhecimento e identificação.

 

Cidades           

Realidade em Foco

Realidade em Foco