Vice-prefeito Antônio Abreu garante que não praticou violência doméstica contra a ex-esposa

Autor: Luis Silva

Publicada em


O vice-prefeito de José de Freitas-PI, Antônio Abreu Costa (PTB) afirmou no início da noite desta quarta-feira (11 janeiro de 2017) , que nunca praticou crime de violência doméstica ou qualquer outro tipo de crime contra a sua ex-mulher Marta Raquel dos Santos Lima.

O vice-prefeito Antônio Abreu afirma que a sua ex-mulher Raquel Lima está fazendo as acusações contra a sua pessoa que segundo ele são inverídicas, simplesmente, porque ela não aceita a separação, que já está tramitando através do Processo nº 0000731-72.2016.8.18.0029, na Comarca de José de Freitas-PI.

Antônio Abreu afirma ainda que não agrediu Raquel nem verbalmente e nem fisicamente no final da tarde do dia 4 de janeiro de 2017, como ela postou no seu Facebook e foi divulgado em vários portais de notícias do Piauí. O vice-prefeito garante que ele foi quem foi agredido por Raquel Lima fisicamente e moralmente e que a sua ex-mulher ainda danificou a porta traseira do seu veículo SW4 dando socos e pontapés, na frente de funcionários de sua empresa e de vizinhos. Antônio Abreu garante que tem testemunhas do ocorrido e vai provar tudo isso na Justiça de como ele foi vítima e que está sendo vítima de tudo isso que a sua ex-mulher está colocando na mídia.

O vice-prefeito de José de Freitas relatou ainda, que no mesmo dia em que teria sofrido aIs agressões por parte de sua ex-mulher Raquel Lima, na cidade de José de Freitas-PI, foi até à Delegacia da Polícia Civil daquela cidade, onde estava registrando um Boletim de Ocorrência, quando sua ex-mulher chegou lhe agredindo com palavrões e como não teve condições de registrar a ocorrência em José de Freitas, teve que se deslocar para a Delegacia Geral da Polícia Civil em Teresina, onde registrou o BO nº 111515.999929/2017-09. De acordo ainda com o vice-prefeito, a sua ex-mulher lhe agrediu com palavrões e gritos dentro da Delegacia de José de Freitas, na presença do agente de polícia Carlos Augusto Sampaio, que estava de plantão.

Após registrar o Boletim de Ocorrência na Delegacia Geral da Polícia Civil do Piauí, o vice-prefeito Antônio Abreu foi submetido a exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal de Teresina, por solicitação do delegado Luccy Keiko Leal Paraíba, que é o Gerente de Polícia Metropolitana. O vice-prefeito Antônio Abreu foi submetido a exames no IML, pelo perito médico legal José Luiz Castelo Branco de Siqueira, que constou no laudo provisório que houve ofensa à integridade física e a saúde do vice-prefeito. O delegado Luccy Keiko também requisitou que o veículo do vice-prefeito fosse submetido a exame pericial pelo Instituto de Criminalística do Piauí.

Advogado Lúcio Tadeu assume a defesa do vice-prefeito

O advogado Lúcio Tadeu que é bastante conhecido no Piauí e em outros Estados do Brasil, onde atua, assumiu na tarde desta quarta-feira (11 de janeiro de 2017) a defesa do vice-prefeito Antônio Abreu e hoje mesmo ele já esteve na Comarca de José de Freitas-PI, onde conversou com o juiz Lirton Nogueira Santos, que explicou as razões que concedeu a medida protetiva.Lúcio Tadeu já ingressou com um recurso na Comarca de José de Freitas pedindo que o juiz Lirton Nogueira revogue a referida medida protetiva.

Avv

Delegado Luccy Keiko requisitou exame de corpo de delito do vice-prefeito Antônio Abreu

“Sou um jovem empresário de família humilde de José de Freitas, que nasci na comunidade Alevantado, sempre trabalhei honestamente, respeito a todos da criança ao adulto através de ensinamentos deixado pelo meu pai e o meu sucesso sempre obtive pautado na honestidade e sem nunca precisar agredir ninguém para me promover na vida e com muita humildade agradeço a população de José de Freitas, que me deu o mandato de vice-prefeito”, desabafou Antônio Abreu, que garante que vai provar a sua inocência.

m1

m2

m3

Com informações do Saraiva Repórter






Cidades           

Realidade em Foco

Realidade em Foco