José de Freitas/PI,  13 de julho de 2020
 
1 de junho de 2020 Informações da Postagem: Por Luís Silva Imprimir Postagem

Preso da Cadeia de Altos foge do HGV e Sejus faz buscas

Um detento identificado como Ronald Lucas Vogado dos Santos conseguiu fugir do Hospital Getúlio Vargas (HGV) onde estava internado para tratar uma insuficiência renal. Ele é um dos 25 presos da Cadeia Pública de Altos que estão em tratamento após o aparecimento dos mesmos sintomas. Outros seis detentos morreram. A suspeita até o momento é de leptospirose, doença causada por contato com urina de ratos.

Segundo a Secretaria de Justiça, a fuga aconteceu na noite deste sábado (30). “Equipes da Sejus seguem em diligência para a recaptura do indivíduo”, informou a secretaria em nota.

Ainda segundo a Sejus, dos 25 detentos internados, sete já tiveram alta hospitalar.

A contaminação dos presos começou no início do mês de maio. O último preso a morrer foi Adriano Paes da Silva, na quinta-feira (28). Além dele, não resistiram Robert Ozeas da Silva Pereira, Francisco Wellington Moraes Santos, Martoniel Costa Oliveira, Isaac Gomes de Oliveira e Jeferson Linhares Silva. Todos estavam com sintomas semelhantes e as mortes aconteceram em menos de duas semanas. 

O Ministério Público do Piauí instaurou um inquérito civil público para apurar a intoxicação pela água de 48 detentos da Cadeia Pública de Altos.  O promotor de Justiça Elói Pereira  recomendou que o governo do estado declare situação de emergência. 

Veja nota da Sejus sobre a fuga no HGV

A Secretaria de Estado da Justiça informa que o detento Ronald Lucas Vogado dos Santos conseguiu fugir do Hospital Getúlio Vargas, na noite do último sábado (30). O detento, oriundo da Cadeia Pública de Altos, estava internado no local após apresentar sintomas de insuficiência renal. Equipes da Sejus seguem em diligência para a recaptura do indivíduo. Atualmente, 25 detentos seguem internados, sendo que sete já tiveram alta hospitalar.

Fonte : Cidade verde.com


Comentários

icone Facebook