José de Freitas/PI,  11 de dezembro de 2019
 
30 de novembro de 2019 Informações da Postagem: Por Luís Silva Imprimir Postagem

Adolescente de 15 anos paga estuprador em Lagoa Alegre para que não fosse estuprada

A adolescente A..N.S.B.A., de 15 anos, pagou o acusado de estupro Fernando Sousa Almeida, de 41 anos, com R$ 450,00 e um telefone celular para que seu estupro não se estendesse para a penetração.

O fato inédito da compra de um estuprador ocorreu no município de Lagoa  Alegre (150 km Teresina) às 19h de sexta-feira (29), segundo o cabo Ribamar, do Grupamento da Polícia Militar (GPM) do 16o- Batalhão da Polícia Militar (BPM) do município.

Fernando  Sousa Almeida foi preso. Foto: Divulgação GPM.

Fernando  Sousa Almeida foi preso e conduzido para a Central de Flagrantes de Gênero de Teresina, onde foi instaurado o inquérito e ele foi indiciado por estupro.

Hoje, o estupro envolve não apenas a penetração sexual, mas também o toque e os atos sexuais no corpo da vítima.

O cabo Ribamar disse que  A.N.S.B..A. estava sozinha  em sua casa porque a mãe tinha ido a uma festa de final do ano eletivo na escola de seu irmão, quando Fernando Sousa Almeida entrou, pelos fundos, na residência, com um facão.

“Ele colocou o facão no pescoço da garota e a obrigou entrar no quarto e abusar sexualmente. Foi quando a adolescente teve a ideia de dizer que tinha dinheiro e ele poderia levar. Ela disse onde estava o dinheiro e o estuprador foi pegar. Era de R$ 300,00 a 400,00. Ele pegou o dinheiro e o telefone celular da garota e foi embora”, falou o cabo Ribamar.

Segundo ele , um homem procurou a Polícia Militar informando sobre o abuso sexual que a garota, muito abalada emocionalmente , tinha sofrido e estava solicitando o socorro policial.

O cabo Ribamar e o soldado Lemos prenderam , às 22h15 de sexta-feira, Fernando Sousa, quando estava próximo da saída do município de Lagoa Alegre, quando já tinha entregue a um receptador de roubos o telefone celular da adolescente. 

A.N.foi submetida a exames para comprovação do estupro e prestou depoimento na Central de Flagrantes de Gênero de Teresina.

Fonte: MN


Tags:

Comentários

icone Facebook