José de Freitas/PI,  25 de setembro de 2020
 
18 de fevereiro de 2020 Informações da Postagem: Por Luís Silva Imprimir Postagem

Corpo de homem é encontrado com marcas de tiros e facadas no Rio Poti

O Departamento de Homicídios e proteção a Pessoa (DHPP) está investigando o caso do corpo de um homem identificado como Valdir Modesto da Costa Júnior, que foi encontrado as margens do Rio Poty, na zona Norte de Teresina. 

De acordo com informações, a vítima que era mais conhecida como Juninho, teve seu corpo encontrado nas imediações do Poti Velho e estava com marcas de arma de fogo e arma branca. 

“Foi feito o levantamento preliminar no local porque nós temos que ver que o corpo foi encontrado as margens do rio, evidentemente que aquele pode não ser o local que ele foi morto, ele pode ter sido morto em outro local, e desceu na correnteza. Mas o importante é que na autopsia o médico relatou que ele tinha três lesões compatíveis com arma de fogo nas costas e um corte no pescoço. O pai dele tinha deixado ele próximo ao hospital do Buenos Aires e que ele iria para a casa de um amigo, de lá ele não foi mais visto”, declarou o coordenador do DHPP, delegado Francisco Costa, o Baretta. 

Ainda segundo o delegado, a vítima recebia ameaças. “Ele recebia ameaças, era usuário de drogas, já tinha sido internado várias vezes por roubo, furto e tráfico no CEM. Nós estamos levantando que quem está morrendo e quem está matando são pessoas que são envolvidas no mundo do crime, e muitas das vezes não tem nada a ver com trafico, é briga de gangues”, disse. 

Fonte: PortalMN


Comentários

icone Facebook