José de Freitas/PI,  26 de setembro de 2020
 
4 de abril de 2020 Informações da Postagem: Por Luís Silva Imprimir Postagem

Estupro:Organização de evento universitário confirma expulsão de Prior

A comissão organizadora do InterFAU veio a público na tarde desta sexta-feira (3) e confirmou, pela primeira vez, que Felipe Antoniazzi Prior foi banido, em Outubro de 2018, de quaisquer tipos de eventos promovidos por ela. 

A nota – publicada após uma denúncia em uma matéria da ‘Marie Claire’, com o título ‘Duas acusações de estupro e uma de tentativa de estupro contra Felipe Prior’ – afirma que o ex-participante do BBB 20 foi acusado de cometer crimes sexuais por mais de uma vez. A TV Globo também se manifestou sobre o caso e disse ser contra qualquer tipo de violência. 

O comunicado, divulgado por meio das redes sociais da comitiva dos jogos universitários de faculdades de Arquitetura e Urbanismo, afirma que Prior foi expulso para “garantir a segurança e o bem-estar de todos do evento”. 

A nota afirma ainda que ex-BBB foi acusado de cometer assédio por repetidas vezes, e teve também uma queixa por crime sexual protocolada contra ele.

O InterFAU teve de vir a público após a publicação de uma reportagem da revista Marie Claire na manhã desta sexta, com relatos de duas mulheres que teriam sido estupradas por Felipe Prior durante os jogos universitários. Já a TV Globo se manifestou dizendo que é contra qualquer ato criminoso e espera que as autoridades apurem as denúncias.

“A Globo é veementemente contra qualquer tipo de violência, como se percebe diariamente em seus programas jornalísticos e mesmo nas obras do entretenimento, e entende que cabe às autoridades a apuração rigorosa de denúncias como estas”, informou a TV Globo através de nota.

Prior foi eliminado do Big Brother Brasil 20 na última terça-feira, 31 de março, após protagonizar um paredão que entrou para a história dos realities shows mundiais por ter tido mais de um bilhão de votos.


Comentários

icone Facebook