José de Freitas/PI,  18 de setembro de 2019
 
8 de maio de 2019 Informações da Postagem: Por Luís Silva Imprimir Postagem

Motorista espancado brutalmente na PI-113 em José de Freitas morre em Teresina

O motorista Gutemberg Paiva Rodrigues, de 54 anos, que foi brutalmente espancado a socos e pontapés e teve o braço esquerdo quebrado em quatro lugares por dois homens ainda não identificados pela polícia, quando dirigia um ônibus da empresa Santa Fé pela PI-113 e se envolveu em um acidente com um veículo passeio entre as cidades de José de Freitas e Cabeceiras, no Norte do Piauí, morreu no último domingo (5 de maio de 2019), em Teresina-PI, onde ele residia no bairro Novo Milênio, na Zona Sudeste da Capital Piauiense.

Gutemberg Paiva sofreu toda a violência na tarde de Domingo de Páscoa (21 de abril de 2019), na altura do povoado São Luís, que fica a 13 km da cidade de José de Freitas-PI. O motorista depois de ser medicado no Hospital Nossa Senhora do Livramento, na cidade de José de Freitas foi transferido para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT), onde foi submetido a exames e a  cirurgias, mas acabou não resistindo aos ferimentos e foi a óbito no último domingo, dia 5 de maio de 2019.

Imagens: Chagas Silva

Motorista Gutemberg Paiva quando era atendido no Hospital de José de Freitas-PI.

De acordo com informações repassadas pelo próprio motorista Gutemberg Paiva, quando era atendido no Hospital de José de Freitas, ele dirigia o ônibus com 52 passageiros, procedente do município de Batalha-PI para a capital do Piauí (Teresina), quando teria se envolvido no acidente com o veículo passeio que em uma pequena colisão teve o seu retrovisor danificado,

Veja como ficou o joelho do motorista Gutemberg após ele sofrer o espancamento na PI-113.

O motorista Gutemberg contou que ao chegar à altura do povoado São Luís, zona rural de José de Freitas-PI percebeu um barulho na traseira do ônibus e desceu para averiguar o que estava acontecendo, quando então foi surpreendido pelos dois homens que ocupavam o veículo passeio que teve o retrovisor danificado e passou a ser espancado com chutes, pontapés e uma barra de ferro que fraturou o seu braço em quatro lugares.Veja como ficou o braço esquerdo do motorista Gutemberg.

Após toda a violência, Gutemberg Paiva ficou inconsciente, sendo socorrido pelos passageiros do ônibus que interferiram no caso e os dois agressores fugiram em seguida.

O SAMU de José de Freitas foi acionado e uma equipe compareceu ao local, onde socorreu o motorista Gutemberg Paiva levando-o para o Hospital Municipal Nossa Senhora do Livramento, onde ele foi medicado e por volta das 20 horas ainda de Domingo de Páscoa foi transferido para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT), onde ele não resistiu aos ferimentos e foi a óbito.

Hospital de José de Freitas-PI, onde o motorista Gutemberg recebeu os primeiros cuidados médicos.

A Polícia Militar de José de Freitas foi avisada do ocorrido e se dirigiu ao local na PI-113, onde não encontrou mais ninguém, pois o ônibus com os passageiros já teria sido levado para Teresina-PI por um irmão do motorista Gutemberg Paiva que foi até o local após tomar conhecimento da violência e os dois agressores já teriam fugido. O crime deverá ser apurado através de inquérito policial pela Delegacia de Polícia Civil de José de Freitas-PI, que tem como titular o delegado Divanílson Sena.PI-113 onde ocorreu a violência contra o motorista Gutemberg.

O corpo do motorista Gutemberg Paiva foi velado na Rua José Ebaid, 3319, no Parque Flamboyant, próximo ao 8º Batalhão da Polícia Militar do Piauí, no conjunto Dirceu Arcoverde I, na Zona Sudeste de Teresina. A família do motorista está revoltada com o ocorrido e espera que a polícia identifique e indicie os dois homens que espancaram violentamente o motorista Gutemberg que acabou morrendo em consequência da violência que sofreu na PI-113, entre as cidades de José de Freitas e Cabeceiras do Piauí.

Momento que o motorista Gutemberg explicava no Hospital de José de Freitas sobre a violência que sofreu na PI-113.

Motorista Gutemberg Paiva quando era atendido no Hospital de José de Freitas-PI.


Comentários

icone Facebook