José de Freitas/PI,  24 de setembro de 2020
 
24 de agosto de 2019 Informações da Postagem: Por Luís Silva Imprimir Postagem

Preso casal que matou freitense e ainda deixou com as mãos e os pés amarrados

A Polícia Civil com o apoio da Polícia Militar prendeu no início da tarde desta sexta-feira (23 de agosto de 2019), na cidade de Elesbão Veloso, no Sul do Piauí, Reissan Goveia da Silva, vulgo Sandro e sua companheira Josilene Raquel da Silva, conhecida por Neném, que, por volta das 20 horas do dia 15 de março de 2019, torturaram e mataram na Quadra 13, Casa 05-B, no bairro Redonda, na Zona Sudeste de Teresina-PI, o autônomo João Luís Moreira de Oliveira, 49 anos, solteiro, que era natural de José de Freitas-PI, onde ele morou durante vários anos, na Avenida Fausto Gaioso, com os pais Antônio Izabel e Rosa Doca (In Memoriam).

O josedifreitense João Luís Moreira de Oliveira foi encontrado morto na manhã do dia 16 de março de 2019, debruço em cima de uma cama em sua residência e ainda com as mãos e os pés amarrados. De acordo com o delegado Jarbas Lima, que comanda a Equipe C do DHPP do Piauí, que foi responsável pela investigação do caso, o josedifreitense João Moreira foi vítima de um crime de latrocínio, os criminosos mataram ele para roubar.

Acusados Reissan Goveia da Silva e Josilene Raquel da Silva.

O delegado Jarbas Lima, que já trabalhou em José de Freitas-PI, onde desvendou vários crimes, informou ao Saraivareporter.com, que, João Moreira estava em sua casa em Teresina-PI, onde morava sozinho, quando na noite do crime promoveu uma pequena confraternização em sua própria residência na companhia de quatro indivíduos, dentre eles, o casal Reissan Goveia da Silva e Josilene Raquel da Silva, sendo que em certo momento, os quatro indivíduos desferiram garrafadas na cabeça de João Moreira e o amarraram na cama de seu quarto, e em seguida, roubaram vários objetos de sua residência e fugiram.Veja como o josedifreitense João Luís Moreira de Oliveira foi encontrado morto em sua residência.

Josedifreitense João Luís Moreira de Oliveira.

“Infelizmente, devido aos ferimentos, a vítima João Moreira teve um edema cerebral em virtude de uma hemorragia intracraniana que o levou a óbito”, disse ao Saraivareporter o delegado Jarbas Lima.

A Equipe C do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa da Polícia Civil do Piauí (DHPP) que investigou o crime realizou levantamentos e constatou que os acusados Reissan e Josilene poderiam está na cidade de Elesbão Veloso-PI e repassou as informações para os policiais que trabalham na Delegacia da Polícia Civil naquele Município, que com o apoio da PM, realizou diligências e localizou e prendeu Reissan e sua companheira Neném, quando ambos estavam vendendo espigas de milho na margem da BR-316, naquela cidade.

Veja como ficou a casa do josedifreitense João Luís Moreira de Oliveira.

A polícia está à procura de um casal suspeito de ter torturado e matado o autônomo João Luís Moreira de Oliveira, 49 anos, solteiro, natural de José de Freitas-PI, que foi encontrado morto na manhã de ontem (16 de março de 2019) debruço em cima de uma cama em sua residência no bairro Redonda, na Zona Sudeste de Teresina-PI, e ainda com as mãos e os pés amarrados. O bárbaro crime está sendo investigado pelo delegado Jarbas Lima, do DHPP, que durante um ano trabalhou no município de José de Freitas-PI, onde realizou um grande trabalho no combate a criminalidade. Os policiais civis contaram com o apoio dos cabos da PM, Clarindo e Antônio e ainda do soldado Vilanova para capturar Reissan e sua amante. Residência onde João Moreira de Oliveira foi encontrado morto com os pés e mãos amarrados.

O delegado Jarbas Lima acrescentou ao Saraivareporter.com que o inquérito que apurou o bárbaro crime em que foi vítima o josedifreitense João Luís Moreira de Oliveira foi concluído há dois meses e estava faltando apenas prender os criminosos, sendo que no início da tarde deste dia 23 de agosto de 2019 foi dado cumprimento aos mandados de prisões expedidos pela Justiça contra os acusados Reissan e Josilene, sendo que ainda faltam serem presos mais dois acusados do assassinato.João Luís Moreira de Oliveira morou durante vários anos, na cidade de José de Freitas-PI.

Reissan Goveia da Silva e Josilene Raquel da Silva estão recolhidos na Delegacia de Polícia do Município de Elesbão Veloso-PI e serão transferidos para Teresina-PI, na próxima segunda-feira, onde serão interrogados pelo delegado Jarbas Lima e em seguida colocados à disposição da Justiça de Teresina.Acusados Reissan e Josilene.

De acordo ainda com o delegado Jarbas Lima, todos os envolvidos no crime do josedifreitense João Moreira de Oliveira são moradores de rua, o que leva certa dificuldades para a polícia localizá-los, mas que os dois primeiros já foram presos, neste dia 23 de agosto de 2019, no caso, Reissan e sua companheira Josilene. Os nomes dos outros dois suspeitos do crime estão sendo mantidos em sigilo para não prejudicar as diligências que estão em andamento.Delegado Jarbas Lima, que investigou o assassinato do josedifreitense João Moreira de Oliveira.

Fonte: Saraiva Repórter


Comentários

icone Facebook