José de Freitas/PI,  26 de setembro de 2021
 
2 de junho de 2021 Informações da Postagem: Por Luís Silva Imprimir Postagem

Sete policiais militares são presos suspeitos de “milícia privada” no Piauí

Sete policiais militares do Maranhão foram presos suspeitos de praticar  “milícia privada” no Piauí. No último fim de semana o proprietário de uma fazenda situada na zona Rural do município de Ribeiro Gonçalves acionou a polícia após homens armados obrigarem seus funcionários a derrubarem uma cerca que delimitava duas propriedades que são vizinhas

O proprietário da fazenda informou que os homens tinham retirado a força seus funcionários e os levado para o restaurante da sua fazenda, onde um deles ficou os mantendo em cárcere enquanto os demais ficaram retirando a cerca que divide a propriedade. 

O subcomandante do 10º Batalhão da Polícia Militar do Piauí, major Marcos Hortêncio,conta que ao chegar no local, as equipes encontraram 11 homens, dentre eles sete policiais militares do Maranhão, vigilantes e um homem que teria contratado os PMs. Todos foram presos.

“Deslocamos equipes da Polícia Militar e da Polícia Civil e chegando lá vimos que das 11 pessoas, sete eram policiais militares do Maranhão”, conta. O delegado regional da Polícia Civil, Célio Benício, disse que a área é de conflito agrário e que esse tipo de situação é corriqueira na região. 

“Eram policiais militares, vigilantes  e o homem que teria contratatado eles para fazer uma espécie de segurança para a área de litigio”, explica o delegado.

Pistolas.40 pertecentes à Polícia Militar do Maranhão e carros usados para dar suporte ao grupo foram apreendidas.

Os policiais militares estão detidos no 10º Batalhão à disposição da Polícia Militar do Maranhão. 

Fonte: Cidade verde.com


Comentários

icone Facebook