José de Freitas/PI,  27 de setembro de 2020
 
28 de janeiro de 2020 Informações da Postagem: Por Luís Silva Imprimir Postagem

Vigia do Instituto de Pesquisa é morto com um tiro durante assalto

Na manhã desta terça-feira (28/01), um vigilante do Instituto de Pesquisa de Teresina, identificado como Francisco Alves de Carvalho, de 56 anos, foi morto com um tiro na altura do peito na Rua Pedro Brito, no bairro Parque Alvorada, na zona Norte de Teresina. 

De acordo com informações, a vítima tinha acabado de sair do trabalho quando foi abordada por um criminoso armado que pediu a sua bicicleta. Francisco Alves estava de posse de um facão e travou uma luta corporal com o bandido, onde acabou sendo alvejado e morto ainda no local. 

Policiais do 9º Batalhão foram acionados até o local para realizar o isolamento da área. “Eu estava erm casa quando meu cunhado chegou dando a notícia, ele as vezes mudava de caminho, vinha pela Rui Barbosa também, mas sempre fazia esse caminho. É um negócio muito sério, quase todo dia ia na minha casa porque eu moro sozinho. Meu irmão trabalhava toda noite, a folga dele era dia de quarta-feira. Quando chegava do trabalho de manhã cedo ia podar árvores, trabalhava dia e noite”, afirmou o irmão da vítima emocionado. 

Segundo testemunhas, o fato aconteceu por volta de 05h30/06h quando Francisco saía do trabalho. “Eu escutei um tiro, vi que eles travaram uma luta corporal, o bandido pedia a bicicleta dele e ele não deu, travaram uma luta corporal e ele foi alvejado”, disse um vizinho acrescentando que era amigo da vítima. “Ele era muito trabalhador, gente final, cortava árvores de todo mundo aqui. Esse homem era um guerreiro”, lamentou. 

Francisco Alves deixa quatro filhos. 

Fonte: Saraiva Repórter


Comentários

icone Facebook